FALE CONOSCO

Av. Porto Alegre, 2661 - Sorriso/MT - CEP 78890-000 Fone(66)3545.8100

E-mail: educa.sorriso@hotmail.com



quarta-feira, 30 de junho de 2010

EDUCAÇÃO INCLUSIVA: UM DIREITO DE TODOS

A educação é um direito universal, garantido na constituição brasileira, a todos os cidadãos e em todos os níveis de ensino. Isto pressupõe a educação enquanto possibilidade real de desenvolvimento e auto-realização de todas as pessoas, e na convivência democrática.
A diversidade no espaço cultural deve ser entendida como um valor, na medida em que possibilita a participação de todos, contribuindo positivamente para o exercício das práticas pedagógicas na escola e para o pleno desenvolvimento de todos. Neste contexto, a Educação Inclusiva traz a reflexão e o desafio da educação das pessoas com deficiência, com ética e equiparação de oportunidades, no ensino regular, exercitando direitos, desmistificando preconceitos e contribuindo para a construção de novos paradigmas sociais.
A partir da década de 90 as discussões referentes a educação das pessoas com necessidades especiais começaram a adquirir alguma consistência, face às políticas anteriores caracterizadas pela descontinuidade e dimensão secundária. A nova LDB 9.394/96 em seu capítulo V coloca que a educação dos portadores de necessidades especiais deve se dar de preferência na rede regular de ensino, o que traz uma nova concepção na forma de entender a educação e integração dessas pessoas.
Apesar de estar assegurado este direito às pessoas com necessidades educacionais especiais, é necessário que haja uma adequação de currículos, métodos, técnicas e recursos para atender as especificidades. A realidade de hoje demonstra que as instituições de ensino não estão ainda, preparadas e nem estruturadas para receber a nova demanda.
O processo de interação social é permanentemente conflituoso e a inclusão de pessoas com deficiência na rede de ensino é um direito além de ser um grande crescimento para todas as partes envolvidas no processo. Na perspectiva de que esta realidade se concretize a Secretaria de Educação de Sorriso - MT tem buscado discutir com os educadores da rede pública municipal a educação inclusiva visando em um futuro próximo fazer cumprir de forma plena, o princípio educacional fundamental: disponibilidade, acessibilidade (material e econômica), aceitabilidade e adaptabilidade a todos, sem exceção. Esta foi a discussão ocorrida na Escola Municipal Profª. Geni Terezinha Forgiarini no dia 28/06/2010, entre as coordenadoras do AEE Terezinha e Senilde e os educadores da unidade escolar.

"Deficiente é aquele que não consegue modificar sua vida aceitando as imposições de outras pessoas". (Mário Quintana)

Autora: Gheuren Frassetto

quarta-feira, 23 de junho de 2010

II PEDALADA DO COOPERATIVISMO.

A Secretaria Municipal de Educação estará participando, como parceira, da II PEDALADA DO COOPERATIVISMO, que acontecerá no dia 03 de julho de 2010.
REGULAMENTO GERAL.
TEMA: COOPERATIVISMO
DO EVENTO
A Pedalada do Cooperativismo será realizada no dia 03 de julho de 2010,
sábado, com qualquer condição climática, para ciclistas regularmente
inscritos, de ambos os sexos, com saída às 8 horas (concentração a partir
das 7h30), com o seguinte percurso:
* Concentração e saída da Unidade do SICREDI (Avenida Natalino João
Brescansin, 164)
* Praça da Juventude
* Segue Avenida Curitiba
* Avenida Tancredo Neves
* Rua Bandeirantes
* Praça das Fontes (Ginásio Sorrisão) – Local da solenidade de
premiação
DAS INSCRIÇÕES
As inscrições serão gratuitas e poderão ser feitas até às 17 horas do dia 29
de junho nos seguintes locais:
1. Unidade do SICREDI
2. Secretaria Municipal de Esporte e Lazer
3. Escolas Públicas e particulares
4. Secretaria Municipal de Educação
5. Coopserv’s
6. Cooper Líder
7. FACEM
8. Ciclo Center
DOS PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO
Os formulários de inscrições podem ser retirados nas escolas e parceiros
acima descritos e deverão ser entregues até o dia 29 de junho de 2010.
DAS REGRAS GERAIS
* Haverá, para qualquer tipo de emergência, serviço de ambulância por
todo o percurso. O atendimento médico de emergência será efetuado na rede
pública.
* A segurança da prova será garantida pelos órgãos competentes e
haverá fiscais para a orientação dos participantes, que deverão seguir o
fluxo obrigatório.
DA PREMIAÇÃO
Serão premiados os participantes e escolas participantes conforme itens
abaixo (CATEGORIA/PREMIO):
- SORTEIO ENTRE OS PARTICIPANTES (UMA TV LCD 32’)
- SORTEIO ENTRE OS PARTICIPANTES (UM NOTEBOOK)
- SORTEIO ENTRE OS PARTICIPANTES (UM KIT DE SEGURANÇA PARA CICLISTA)
- SORTEIO ENTRE ESCOLAS PARTICIPANTES (KITS ESPORTIVOS)
- SORTEIO ENTRE OS PARTICIPANTES (UM MICRO SYSTEM)
- SORTEIO ENTRE OS PARTICIPANTES (BOLSA DE ESTUDOS FACEM – BOLSA DE ESTUDOS
PARA O CURSO DE PRODUÇÃO DE TEXTO)
- SORTEIO ENTRE OS PARTICIPANTES (BOLSA DE ESTUDOS PARA O CURSO DE PILATES)
- BICICLETA MELHOR CARACTERIZADA CONFORME TEMA DO EVENTO – UMA BICICLETA 18
MARCHAS
- MAIS IDOSO (UM KIT SICREDI)

A premiação será feita após a Pedalada, em solenidade na Praça das Fontes.

DA COMISSÃO JULGADORA
A bicicleta melhor caracterizada será escolhida pela comissão julgadora,
formada por representes de entidades, cujos nomes serão divulgados na
solenidade de encerramento do evento.
RECOMENDAÇÕES (Dicas de segurança):
* Roupas apropriadas, tênis.
* A organização da Pedalada bem como seus patrocinadores e apoiadores
não se responsabilizam por prejuízos ou danos causados pelo ciclista
inscrito no passeio ou à sua bicicleta, a terceiros ou outros participantes,
sendo de única e exclusiva responsabilidade do mesmo.
* O eventual atendimento médico de emergência será efetuado na rede
pública.
* A inscrição será gratuita
* A organização do evento sugere que os participantes tragam squeeze e
protetor solar.
* As inscrições poderão ser feitas até às 17 horas do dia 29 de junho
nas Unidades Escolares, nos parceiros e Cooperativas participantes conforme
regulamento
* A idade mínima de participação é de 10 anos
* É obrigatória por parte das escolas participantes comunicar os pais
ou responsáveis da participação dos alunos
Ao fazer sua inscrição o ciclista automaticamente:
* Assume total responsabilidade pelos dados pessoais fornecidos;
* Reconhece e aceita totalmente o Regulamento;
* Assume e participa do evento por livre e espontânea vontade,
isentando de qualquer responsabilidade os Organizadores e Patrocinadores, em
seu nome e de seus sucessores.
* Assume que é conhecedor de seu estado de saúde e capacidade física.
* Cede todos os direitos de utilização de sua imagem, renunciando ao
recebimento de qualquer renda que vier a ser aferida com direitos a
televisão ou qualquer outro tipo de transmissão, para este e próximos
eventos.

segunda-feira, 21 de junho de 2010

ESCOLA GENI DESENVOLVE AÇÕES SOBRE O MEIO AMBIENTE.

A questão ambiental tem se tornado um grande desafio para a humanidade e ocupa hoje um importante espaço de discussão política expressando preocupações com as problemáticas relacionadas aos "riscos de grande conseqüência", e exige a participação de todos os indivíduos, para que se diminuam os impactos negativos provocados no ambiente natural.
Um meio ambiente ecologicamente equilibrado é um direito do cidadão e foi dada a educação em todos os níveis de ensino ser o agente de mudanças desejáveis para a diminuição do efeito devastador da degradação ambiental. Diante desta situação que a cada dia se agrava, todo cidadão deve ter a percepção exata da responsabilidade de partilhar o planeta Terra com todos os outros seres vivos. Esta perspectiva contribui para evidenciar a necessidade de um trabalho vinculado aos princípios da dignidade, solidariedade e da eqüidade do ser humano.
Na nova proposta pedagógica, os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs), evidencia a necessidade de se discutir questões ambientais, contemplando as realidades locais e sugere formas de introdução de Educação Ambiental nos currículos. Considerando que a degradação ambiental é hoje uma das maiores preocupações dos governos e da sociedade, faz-se necessário desenvolver ações de caráter educativo, para o desenvolvimento sustentável garantindo assim, a permanência dos recursos naturais em condições que assegure às gerações futuras sobrevivência na Terra.
A educação ambiental visa contribuir para formação de cidadãos conscientes de suas responsabilidades com o meio ambiente, aptos a decidir e atuar em seu meio sócio-ambiental, comprometendo-se com o bem-estar de cada um e da sociedade como um todo.
Mas para que isso aconteça, é preciso que a escola não trabalhe somente com informações e conceitos, ou seja, só na teoria, é importante que o tema transversal seja uma ferramenta utilizada para que o aluno possa aprender de forma dinâmica, maneiras para transformar a realidade em que vive.
Desta forma, a Escola “Profª. Geni T. Forgiarini”, tem gradativamente implantado no seu currículo discussões sobre questões ambientais e na semana do Meio Ambiente buscou-se propor aos alunos atividades práticas como um mutirão realizado no bairro em que estão inseridos para conscientizar seus moradores da importância da limpeza e recolhimento de vários materiais recicláveis. Materiais estes, que posteriormente foram utilizados para o desenvolvimento de trabalhos com alunos. Ainda, houve a realização de teatros e musicas que contemplaram o Meio Ambiente.
Em seguida, propiciou-se aos nossos alunos a ida ao Horto Florestal e ao Parque Ecológico Municipal, para que pudessem entender o quanto é importante a manutenção e preservação das espécies naturais existentes naquele espaço, através de orientações interativas realizadas pelos docentes, mostrando a importância do valor do ecossistema para a qualidade de vida.

Autora: Gheuren Frassetto

PROJETOS DESENVOLVIDOS NA ESCOLA MUNICIPAL IVETE LOURDES.

PROJETO CUIDANDO DE NOSSAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES.
Em parceria com a FAIS, a Escola Municipal Ivete Lourdes Arenhardt, desenvolveu o Projeto "CUIDANDO DE NOSSAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES". No projeto foram desenvolvido Palestras e apresentações para os alunos de 3º anos até as 8ª séries.
Neste projeto foram trabalhados temas como:

Sexualidade;
Drogas;

Gripe "A"

Higiene.

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE.
Os alunos do pré ao 2º ano plantaram uma muda e levaram outra para para casa.
Os alunos do 3º ano a 4ª série confeccionaram o boneco ecológico durante a semana e cada turma plantou uma árvore em frente a escola
Já os 5ª a 8ª série, realizaram textos e paródias relacionados ao meio ambiente,e durante toda a semana trabalhou-se a questão do meio em que vivemos e o quanto é importante cuidar do Meio Ambiente, demonstrando que a Escola Ivete está sempre antenada nas questões ambientais.


DIA 22 DE MARÇO: DIA MUNDIAL DA ÁGUA.

Neste dia ocorreu uma exposição dos trabalhos

desenvolvidos pelos alunos, intesificando assim a

preocupação com a água do planeta.


Autora: Elizânia Maciel

quinta-feira, 17 de junho de 2010

CEMEIS BOM JESUS NO PARQUE ECOLÓGICO.

PROJETO ALIMENTAÇÃO: PIQUENIQUE NO PARQUE ECOLÓGICO.
Na intenção de conciliar consciência ecológica e a importância da alimentação saudável para o nosso corpo, programamos um passeio no Parque Municipal com os alunos do maternal II e pré I do CEMEIS Bom Jesus.
Os alunos passearam, brincaram no parque e foram alimentar os peixes, depois fizeram um piquenique aproveitando o espaço verde do lugar
Proporcionar passeios fora da escola é um jeito gostoso de ensinar, pois para as crianças é muito importante o contato direto com o mundo que as cercam.

Autor: Isis Calil


quarta-feira, 16 de junho de 2010

A EDUCAÇÃO MUDA O MUNDO.

É oportuno lembrar que a Educação é vista mais do que nunca como a principal estratégia de transformação social e que todos podem e devem contribuir para este fim.
Educação é um problema social complexo que demanda a articulação entre os diferentes setores para ser solucionado. O poder público, é claro, continua sendo o principal responsável por garantir o acesso ao ensino e a sua qualidade.
Precisamos sensibilizar e mobilizar toda a sociedade-governo, iniciativa privada e ONG – na construção das mudanças que não são apenas econômicas e sociais, mas também culturais.
Assim, é necessário fazer da educação um mecanismo de transformação e de inclusão social, para que tenhamos uma escola para todos, de todos. Ela é a responsável para o crescimento social, pois à medida que as pessoas vão ficando mais escolarizadas, o nível de vida vai melhorando, as pessoas ficam mais conscientes, críticas e exigentes. E, com isso, vão melhorando as condições de higiene, de alimentação, de saúde, de segurança e de satisfação social. Enfim, a educação possibilita o desenvolvimento da sociedade. Segundo (Fasheh, 1999, p.166) “Aprender a ler e a escrever pode ajudar uma pessoa a ser livre”.
Sabe-se que a educação é o instrumento que vai permitir às pessoas buscarem uma melhoria de vida, capacitando-se para competir no mercado de trabalho bem como reconhecer seus direitos.
A educação é direito de todos e dever do Estado e da família (artigo 205 – Constituição Federal 1988).
As mudanças pelas quais passa o Brasil tem nos feito refletir sobre o papel da educação na transformação da realidade brasileira. Precisamos ter como principal meta minimizar os efeitos de séculos de injustiça social, resquícios de um passado escravista, cuja abolição manteve os escravos sem terra e seus filhos sem escola. A esses se juntaram, ao longo da história, uma legião aumentando ainda mais as desigualdades e da exclusão social não é só econômica, é também sociocultural.
No entanto, é necessário ensinar itens como agregar valores ao trabalho, entender o porquê da pobreza, enriquecer a alimentação e como se organizar para melhorar os ganhos e as condições de vida. “Ensino contextualizado”, a proposta seria esticar a teoria de Paulo Freire, segundo o qual o analfabeto não sabe ler a palavra escrita, mas sabe lê o mundo.
Assim, de passo em passo, de escola em escola, de letra em letra o Brasil vai construindo uma nação de cidadãos. Como escreveu o mestre Paulo Freire, “Ninguém nasce feito, vamos nos fazendo aos poucos, na prática social de que tomamos parte”.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

ESCOLA VALTER LEITE COMEMORA O DIA DO MEIO AMBIENTE

O homem ao longo de sua história teve sempre o meio ambiente como seu aliado, seja para dele tirar seu sustento como para garantir sua segurança.
No entanto, com a evolução da raça humana e, conseqüentemente com os avanços tecnológicos da época como na fabricação de ferramentas, propiciou um grande desenvolvimento do homem, o domínio da linguagem fez com que ele passasse a viver em grupo, a se comunicar, a conquistar novas regiões que antes não eram habitadas.
Refletir as questões ambientais do ponto de vista de seus impactos dentro do contexto da ação do homem moderno só é possível quando se leva em conta fatores históricos vividos pelas gerações como, por exemplo, a forma de produção de cada época, as estruturas de classes, os recursos tecnológicos disponíveis e, sobretudo, a cultura da sociedade vivida em cada período.
A concepção de que os recursos naturais presentes em grande quantidade em nosso planeta é ilimitado é uma concepção ultrapassada. Pois ao reforçar tal proposição permite ao o homem o uso inadequado dos recursos naturais, causando-lhe danos irreversíveis à natureza.
A ação do homem sobre o meio ambiente se por um lado (econômico) trás benefícios, por outro gera um desequilíbrio, pois as mudanças que provocam nem sempre são assimiladas pelos ecossistemas, questões estas que ameaçam a permanência dos sistemas naturais.
E a escola o que está fazendo?
È pensando que é possível e necessário haver harmonia entre o homem e meio ambiente, que a escola Municipal Valter Leite Pereira procurou desenvolver na semana do MEIO AMBIENTE com todos os alunos da Educação Infantil e Fundamental até o 5º ano, atividades que levassem os alunos a refletirem sobre a importância da conservação dos recursos disponíveis em nosso ecossistema.
Dentro das atividades, o objetivo principal foi de refletir e mobilizar as crianças sobre o seu papel de cidadão, contribuindo para um ambiente limpo e saudável: não jogando lixo nas ruas, usando menos produtos descartáveis, não fazer queimadas, não cortar árvores, evitar sair de carros todos os dias. Portanto, partiu-se do princípio que se cada um fizer a sua parte o mundo será transformado e as gerações futuras viverão sem riscos.
Para realização das atividades, os professores trabalharam a semana enfocando o tema Meio Ambiente: produziram poemas, jograis, cantaram músicas, pesquisaram, leram textos informativos, assistiram filmes, fizeram apresentações das atividades realizadas e o fechamento dos trabalhos foi feito uma mobilização com os alunos por meio de passeata em algumas ruas do bairro na qual está situada a escola, com o intuito de reforçar a comunidade da importância da conservação do meio ambiente para as nossas vidas.

Coordenadores envolvidos nos trabalhos:
Luiz Garcia Baptista
Eleida Marangon Debastiani

Orientadora pedagógica:
Emilia Monteiro Caldas dos Santos

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Educação Informatizada: Prefeito entrega mais de 300 computadores para as escolas do município

Com o compromisso de equipar os laboratórios de informática das escolas municipais com no mínimo 20 computadores ainda este ano, na tarde de ontem (08), o prefeito Chicão Bedin juntamente com a secretária de educação, Avanice Zanatta, e demais secretários, realizaram no ginásio Flor do Cerrado a entrega de diversos computadores para os alunos, professores e diretores das escolas.
No total foram entregues 320 modernos computadores com monitores de LCD, 266 advindos do programa Proinfo, através de convênio Federal e 54 adquiridos com recursos próprios do município. Sem contar a aquisição de 320 nobreacks e a readequação dos laboratórios.
Para a diretora da escola Papa João Paulo II, Olga Mazzei, que recebeu 20 computadores, a substituição das máquinas era uma necessidade. “Os poucos computadores que tínhamos, já não auxiliavam no processo educativo, e sim dificultavam, porque eram muito velhos. Mas agora acreditamos que além de ajudar os nossos alunos, os novos computadores também vão facilitar o trabalho dos professores.”
O presidente da APM da escola Vila Bela, Valdivino Padilha, que acompanhou o diretor na solenidade, também está comemorando. Pai de três dos alunos da escola, ele sabe que agora os filhos terão acesso a computadores de qualidade. “Eu conhecia o laboratório de informática antigo. Eram computadores velhos que viviam mais quebrados do que funcionando. Agora com esses computadores novos, os alunos até se animam mais em aprender.”
De acordo com a secretária Avanice Zanatta, a administração municipal esta promovendo uma modernização nas unidades escolares de Sorriso. “Nós sabemos o quanto isso vai ajudar no desenvolvimento dos nossos alunos, o quanto isso vai abrir novos caminhos para eles, proporcionando novos conhecimentos, via internet, via pesquisa. É isso que nós queremos para as nossas crianças, a melhor educação.”
Para o prefeito Chicão Bedin, mais do que assumir um compromisso o importante é cumpri-lo e com qualidade. “Todos os computadores que estamos entregando hoje são computadores novos com boa potencia e devem ter a durabilidade de no mínimo cinco anos.”, disse o prefeito completando ainda que em breve serão adquiridos ainda mais computadores. “Teríamos até o fim do ano para cumprir este compromisso, mas antecipamos porque nos preocupamos com a educação de nossas crianças, assim eles poderão usufruir do novo laboratório ainda neste primeiro semestre.”
Fonte: DECOM
Autor: Giselle Mazzei

CMEB SORRISO EM CLIMA DE COPA DO MUNDO

Estamos em clima de Copa. Não se fala em outra coisa, futebol é o foco do momento. Além do futebol é também a oportunidade de conhecermos a cultura, as riquezas naturais e a população dos 32 países que participam do mundial.
Aproveitando esse momento, os professores do C.M.E.B.Sorriso resolveram engajar os alunos em uma pesquisa sobre os 32 países da copa 2010.
Os alunos pesquisaram os 32 países participantes nos seguintes itens:
• País; • Tipo de governo;
• Economia;
• Moeda;
• PIB;
• Capital;
• PIB percapta;
• Religião;
• Idioma;
• Taxa de mortalidade;
• Taxa de natalidade;
• Taxa de alfabetismo;
• Relevo;
• Clima.


Após o término da pesquisa os alunos confeccionaram as 32 bandeiras dos países do mundial, juntaram a pesquisa como legenda e montaram um painel enorme, que é a atração da escola.
O intuito da exposição é transmitir às pessoas que visitam a escola, algumas informações sobre cada país que está participando do mundial.






Autor: Claudia Natal
Coordenadora Pedagógica - CMEBS

sexta-feira, 4 de junho de 2010

CALENDÁRIO DAS FESTAS JUNINAS E JULINAS DAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE SORRISO

"Oia os festejos das Escolas Municipar de Sorriso. Tudo ocês tão cunvidado. O cumpadi a cumadi, os fios, as fias, os genros, as noras... as moças bonitas e as feias tumbém.
Vai te pinhão, pipoca, pé de moleque, quentão e muita quadria."
EM GENI T. FORGIARINI 04/06/2010 18h
EM BOA ESPERANÇA 05/06/2010 18h
EM VILA BELA 12/06/2010 18h
EM LEONCIO 12/06/2010 18h
EM SÃO DOMINGOS 05/06/2010 16h
EM P. JOÃO PAULO II 05/06/2010 15h
EM IVETE L. ARENHARDT 02/07/2010 19h
EM JARDIM AMAZONIA 03/07/2010 INTERNA
EM FLOR DO AMANHÃ 02/07/2010 19h30min.
EM PRIMAVERA 03/07/2010 19h30min.
EM JARDIM BELA VISTA 03/07/2010 19h
EM AURELIANO 09/07/2010 19h
CMEB SORRISO 24/06/2010 INTERNA
EM LEONEL BRIZOLA 04/06/2010 INTERNA
CEMEIS FRANCISCO GARCIA 19/06/2010 19h00
CEMEIS S. DOMINGOS 02/07/2010 18h
CEMEIS S. ENCANTADO 03/07/2010 16h
CEMEIS FLOR DO AMANHÃ 13/07/2010 18h
CEMEIS BOM JESUS 11/06/2010 19h30min.
CEMEIS CAPPELLARI 05/06/2010 16h
EM CARAVÁGIO 25/06/2010 INTERNA

quarta-feira, 2 de junho de 2010

VOCÊ VIU ESTA GAROTA?


Sumiu na tarde desta terça-feira, 01/06/2010, nas imediações do Estádio Municipal a “Toca do Lobo”, a garotinha Sara Vitória Fogaça Paim.

Se você tem alguma notícia desta garotinha, ligue para:

9656-2540 (Mãe)
3544 – 0801 ( Sara - Escola Sorriso)

terça-feira, 1 de junho de 2010

CEMEIS SÃO DOMINGOS EM AÇÃO CONTRA A DENGUE.

Na semana passada, o CEMEIS São Domingos participou do projeto Sorriso sem Dengue - Circuito Escolar, realizando diversas atividades com os pequenos alunos para conscientizar a comunidade com relação ao combate ao mosquito Aedes aegypti.
Primeiro, acompanhadas pelas professoras, as crianças foram as ruas para averiguar como estava à situação do bairro, observando os meios fios, bocas de lobo e terrenos baldios. Depois fizeram uma panfletagem e uma fiscalização no quintal da vizinhança, recolhendo garrafas e objetos recicláveis que pudessem acumular água. Atividade essa, que segundo a diretora do CEMEIS, Elisangela, também serviu para complementar a Gincana de Recicláveis. “Desde o dia 24, cada turma está fazendo a sua coleta, contando também com a ajuda dos pais que estão separando os recicláveis em casa para trazer para a escola. No final, a turma que mais tiver arrecadado terá uma tarde divertida com muitos doces.”, explicou a diretora.
Além dessas atividades, as crianças também fizeram uma passeata, para chamar a atenção dos moradores quanto à importância de se combater o mosquito. E encerrando a semana de atividades, na sexta-feira, foi realizado um circuito com atividades lúdicas e didáticas em sala de aula. “Os alunos assistiram filminhos, pintaram os rostinhos, fizeram cartazes com colagem, enfim, foram diversas atividades relacionadas com o tema, que também pode ser acompanhada pelos pais.”
Na avaliação da diretora, o trabalho já começou a ter bons resultados. “É interessante ver como as crianças conseguem comover e mobilizar a comunidade. As pessoas ficam mais sensíveis ao apelo e acabam se envolvendo na causa. Com certeza teremos outras iniciativas como essa.”
Fonte: Asssessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Sorriso/MT
Autor: Giselle Mazzei

Seguidores

O QUE VOCÊ ESTÁ PROCURANDO? ENCONTRE AQUI!!!

VÍDEOS EDUCACIONAIS

Loading...